20 julho \2011
20 julho \2011

As Dez Fobias Mais Bizarras

Arreganhos Curiosidades Dicas

As fobias mais bizarras que você já viu. Confira a seguir:

As Dez Fobias Mais Bizarras


1 – Papafobia – medo do Papa

A gente entende que Sua Santidade Papa Bento XVI pode ser um pouco assustadora às vezes, mas… não é para tanto, minha gente! Imagine a cena: você está indo visitar a sua avó no interior e, ao entrar na sala de estar, na parede da porta você se depara com… a foto do – oh, não! – papa! E sai correndo desesperado como se fosse a Marca Negra de Voldemort.

2 – Metrofobia – medo de poesia


Não estamos falando aqui de “não gostar” de poesia. Isso é normal, as pessoas têm preferências literárias e tal. Estamos falando de medo. A não ser que a fobia tenha sido causada por um festival de poesia Vogon, não conseguimos pensar em muitos traumas que poderiam desencadear essa reação. Mas, com certeza, a metrofobia seria um problema nas aulas de literatura (e nos estudos pro vestibular).

3 – Araquibutirofobia – medo de que alguma comida pastosa (como manteiga de amendoim) ou casca (de pipoca, amendoim, entre outras peles fininhas) grude no céu da boca e na gengiva


É isso mesmo que você leu! Um araquibutirófobo é aterrorizado pelo medo de comer pipoca e ficar com uma casquinha de pipoca enfiada no dente. Ou doce de leite grudado no ceu da boca. O bom dessa fobia é que é fácil evitá-la: basta nunca, jamais, comer qualquer um desses alimentos.

4 – Barofobia – medo da gravidade


Como alguém consegue combater este medo? Câmaras anti-gravidade da Nasa? Ficar na cama de olhos fechados para sempre? Felizmente, é impossível evitar os efeitos da gravidade, mas para os barofóbicos, deve ser aterrorizante assistir a chuva, a queda de folhas de árvores no outono ou um jogo de basquete pela televisão.

5 – Lacanofobia – medo de vegetais


Está aí uma fobia ótima para serem usadas como desculpa por crianças que não curtem um verdinho no prato. Basta praticar um ataque de pânico toda vez que a mãe se aproximar com a travessa de salada ou o chuchu refogadinho. Mas pare de rir por um minuto e pense nos lacanofóbicos reais e tente se lembrar se já viu alguém se estrebuchando de medo perto do hortifruti do supermercado.

6 – Alliumfobia – medo de alho


Se aquele seu amigo meio pálido, que nunca sai no sol e que está sempre acordado de madrugada recusar uma pizza de alho, fique tranquilo: ele é só um alliumfobo muito estranho. Ou não, sei lá.

7 – Pteronofobia – medo de que te façam cosquinhas com uma pena


Imagine só o pânico que um pteronófobo deve passar quando vai visitar a ala das aves no zoológico. Ou quando assiste um daqueles filmes antigos, em que as pessoas ainda usavam penas para escrever? E no carnaval? Ele deve passar longe dos desfiles e ficar em casa, protegido, onde nenhuma pena roçará seu nariz – ou pé, cotovelo, barriga…

8 – Fagofobia – medo de engolir


Pode não ser anorexia, pode ser fagofobia. Vale levar a um médico e ver se é o caso de fazer alimentação por sonda, né? Mas deve ser horrível ter medo de engolir. Tanta comida deliciosa por aí… sem falar nas bebidas, nos remédios administrados por via oral, na saliva que se acumula na boca enquanto penso na salada de frutas acima…

9 – Itifalofobia – medo de ereções


Para as mulheres itilafóbicas deve ser mais fácil conviver com este medo irracional. Se for lésbica, pronto, está resolvido. Se não, basta… virar freira, viver no celibato, ficar longe dos filmes pornô e da G Magazine, entre outras medidas drásticas. Mas para o homem essa situação se complica. O segundo maior medo de um itilafóbico? O viagra (brinks).

10 – Pantofobia – Medo de todas as coisas. 


Todas as fobias acima e MAIS! O pantófobo tem medo de tudo, inclusive de sentir medo. A pantofobia hardcore, em seu estado máximo, domina tanto a mente da pessoa que ela o mata, sem causas físicas reais. O corpo “se suicida”. Cataploft. Felizmente, este é um grau de fobia muito raro, em uma fobia já muito rara.

Fonte

Compartilhe
Blogueira, Colorada, Gaúcha, Noiva e Publicitária, não necessariamente nessa mesma ordem. Mora em Porto Alegre a sua vida toda (26 anos). Faz faculdade de Publicidade e Propaganda no IPA, desde 2011. Criou o blog de humor Arreganho, em agosto de 2009. Um ano depois, lançou o Agregador À Toa na Net. Atualmente, administra o blog Youtoba também e a fanpage Piadas Chuck Norris. Criou o blog Profissão Blogueiro (a) para divulgar um pouco mais o seu trabalho e juntar todas as dicas que costuma dar diariamente para familiares e amigos que querem dar certo com blogs.
acompanhe nas redes sociais Instagram
Receba o conteúdo do Arreganho por e-mail:
Deixe seu comentário
Atenção Arreganhos Comentários via Facebook. Esteja logado lá antes de comentar. O comentário é de inteira responsabilidade do autor, por isso, pense duas vezes antes de xingar alguém.
Regras:
Não permitiremos palavrões ou comentários ofensivos e obscenos; Tentaremos responder todos os comentários possíveis;
  • #28124
    curtidas Curtir
    #2555
    seguidores Seguir
    #455
    seguidores Seguir
    #5487
    seguidores Seguir
  • Receba o conteúdo do Arreganho por e-mail:
  • Sites Parceiros

  • Snapchat