26 agosto

A venda de uma blusa e a triste história das cabras que ficaram sem marido

Pérolas Whatsapp

“Vai vendo, Brasil”, como fala dia após dia na CPI (Comissão Parlamentar de Inquérito) da Pandemia o senador Marcos Rogério. A pobre moça só queria vender uma blusa bastante conhecida entre as mulheres com o nome de body.

O cara (comovido e vendo a tristeza das cabras sem o marido) tentou comprar a blusa pensando que era o animal de nome bode. Na certa ele achava que o nome do animal em questão se escrevia com a letra “Y”. Pura ingenuidade e falta de conhecimento.

Ainda bem que a moça foi educada e se deu o trabalho de explicar que se tratava de uma blusa cujo nome realmente soa como bode para quem não sabe a verdadeira pronúncia de body. Tudo foi esclarecido e a saga em busca de um marido para as cabras continua.

Compartilhe
Viciado em mulheres loiras das coxas esculturais e morenas da cor de chocolate. Tem um cachorro fofo chamado Tobby, adora séries, filmes, comédias e romances policiais. É doente, arriado os quatro pneus e loucamente apaixonado, desde menino, pela atriz e produtora norte-americana Sandra Bullok. Infelizmente ela ainda não sabe nem imagina que esse amor existe.
acompanhe nas redes sociais Instagram
Receba o conteúdo do Arreganho por e-mail:
Deixe seu comentário
Atenção Arreganhos Comentários via Facebook. Esteja logado lá antes de comentar. O comentário é de inteira responsabilidade do autor, por isso, pense duas vezes antes de xingar alguém.
Regras:
Não permitiremos palavrões ou comentários ofensivos e obscenos; Tentaremos responder todos os comentários possíveis;