Lembrando o namorado sobre o verdadeiro preço das coisas

É melhor dar quinze reais em um anticoncepcional do que se virar nos trintas para bancar uma criança. Sem contar que terá que trabalhar nem que seja vedendo água mineral nas praias para dar assistência financeira a ela.

Previna-se para não colocar uma criança no mundo sem ter a menor condicões de arcar, pelo menos, com as necessidades básicas do sustento até, no mínimo, ela alcançar a maior idade.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *